Carona com o gerente no hotel

Esse é um relato que vale. Foi num fim de tarde, fomos atender como em um hotel conhecido, como sempre costumamos atender nesse hotel. Algumas vezes via um rapaz moreno, alto, e com um bom porte físico pelos corredores ou na recepção, um funcionário do hotel imaginava eu.


Até que nesse dia fizemos checkout no hotel e ao sair uma chuva forte começou a cair no centro de São Paulo. O rapaz que acabará de nos atender na recepção apontou para uma sala de espera e falou pra esperamos o Uber no local.



Ficamos um tempo na recepção esperando pra pedir o Uber, até o rapaz já de saída perguntou se queríamos uma carona, e por coincidência íamos para a mesma região (íamos atender em outro hotel).


Ficamos um pouco receosos mas aceitamos a carona, afinal já tinha visto esse rapaz varias vezes pelo hotel. Então deixei que a Julia fosse na frente e eu no banco de traz.. No caminho pela marginal tietê num fim de tarde chuvoso tivemos muito tempo para conversar, eles nos contando vários casos inusitados que acontecerá no hotel, ele como gerente e técnico de manutenção.


Como uma vez que um casal chamou ele para ver um defeito ar condicionado e pediram pra ele ficam para uma brincadeira.. rsrs como nunca pensamos nisso??



Não demorou muito pra eu sacar que ele estava de olho nas penas da Julia, que estava com um vestido curto e salto alto, muito elegante como sempre.

Então dei uma iniciativa, do banco de traz eu fui passando a mão nas penas da Julia, e ele vendo a cena, ficando louco.


Até que falei, olha só essa pele macia, não é uma delicia?

Ele não perdeu tempo e já foi passando as mãos na pena dela também. Quanto mais a chuva caia mais o transito ia ficando lento e as coisas esquentando dentro do carro.


A Julia ainda meia tímida começa a passar a mão sobre a calça do rapaz, já com um volume na calça, pegando e apertando e puxando pra fora o pau dele enquanto ele ia dirigindo.


Até que ela levanta o vestido e abaixar a calcinha dentro do carro e diz.. olha como eu já estou meladinha.. Assim o rapaz ficou louco. já meteu os dedos dentro da bucetinha da minha esposinha safada.



Ela com a mão no pau dele, ele com os dedos na bucetinha dela e eu atrás pegando nos peitos dela e passando a mão pelo corpo. A essa altura já estávamos os três muito excitado, entramos numa travessa, ele encostou o carro e ela caiu de boca no pau do rapaz. Chupando o pau que parecia que ia explodir de tão duro e enorme. ela não aguentou de tesão e falou.. quero sentar nele..


Mas infelizmente as ruas de São Paulo são muito movimentadas e já tínhamos um compromisso que estávamos mais que atrasados. Então trocamos contato ele nos deixou no nosso destino e a continuação dessa história ainda esta pra acontecer.

O que será que o destino nos reserva?

402 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
  • Twitter
  • Instagram

©2020 por Vida Safada